segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Casal estuprado por travestis


Há algum tempo minha esposa e eu tínhamos decidido transar com mais alguém, pois nosso casamento não estava muito bem.
Já havíamos tranzado com uma prostituta, mas minha mulher disse que queria um homem, fiquei contrariado, mas como já tínhamos chegado até este ponto não podia apenas dizer não, então pensei em colocar ela contra a parede, e disse-lhe: __Como já tivemos uma mulher, antes de um homem podemos tentar um meio termo.
__Como assim?
__Uma travesti. Falei esperando um não dela.
Ela tomou um susto com a proposta, pensou por algum tempo e respondeu: __Não sei se eu teria coragem, seria um pouco estranho.


Passado alguns dias minha esposa me procurou dizendo que andou pensando e queria tentar o traveco, foram estas as palavras dela, eu até me surpreendi. __Mas tem condições. Continuou ela, __Se eu não ficar a vontade não vai rolar. Concordei com ela e fiquei encarregado de achar o tal travesti. Não foi muito difícil encontrei vários em sites de acompanhantes, foi só questão de selecionar, escolhi então uma loirinha com cara de menina e com o pau de 18cm (o meu tem 16, eu não queria me sentir humilhado pela menina).

Marcamos um encontro em um motel bacana, quando a Paola, este é o nome da travesti, quando ela tirou a roupa fiquei louco, queria agarrar ela na hora, ela tem um corpo com todas as curvas de uma mulher perfeita, uma carinha de menina e ficou só de calcinha preta.
Fiquei esperando a reação da minha esposa, ela estava muito nervosa, trocou algumas caricias com a travesti tirou seu vestido, ficando apenas de calcinha e sutiã, mas deu pra trás e me convidou pra ir embora, tentei conversar com ela, mas ela disse que não estava confortável com a Paola, não teve jeito paguei a Paola que disse que nos esperava pra próxima.

Demorou cerca de um mês e meio pra minha esposa querer tentar novamente, já que eu disse a ela que só iria rolar com um homem se rolasse com a travesti primeiro, mais uma vez fomos pro motel eu, minha esposa e a Paola e mais uma vez a decepção de não rolar nada além de uns amassos e eu fiquei com uma vontade louca de comer aquela traveca.

Minha mulher não falou mais nisso por um tempo e nosso relacionamento esfriou de vez fui conversar com ela, para tentarmos algo, ela chorou e disse que tinha vergonha de tentar novamente, mas estava louca de vontade, marcamos com Paola novamente, mas então ela sugeriu que fossemos a seu ap, pois minha mulher iria se sentir mais a vontade, então aceitamos.

Chegando lá, o local era bem discreto deixamos o carro na garagem e subimos para o ap era um belo apartamento Paola nos deixou bem à vontade, fez um strip pra minha mulher que quando viu o tamanho do pau da Paola deu um pulo, não pelo comprimento, mas pela largura parecia um braço, depois disso ela percebeu que minha esposa estava inquieta e disse que não daria de jeito nenhum pra aquele negócio, pois era muito grosso, Paola então nos ofereceu uma bebida, no inicio minha mulher não queria, mas ela insistiu dizendo que nos deixaria mais a vontades, foi então pra cozinha rebolando lindamente aquela bunda maravilhosa e em pouco tempo estava com dois drinks nas mãos, me deu um e o outro deu pra minha mulher tomei um gole pra provar e gostei quando olhei minha mulher estava terminando de tomar todo o dela, fui tomando meu drink enquanto Paola puxava minha mulher pra dançar aos pouco minha visão foi embaçando e logo apaguei.

Depois fui saber que na minha bebida ela colocou um boa-noite-cinderela e da minha mulher um êxtase.
Acordei umas 4 horas depois com a cabeça girando e percebi que eu estava com as mãos amarradas nas costas e pelado, vi no sofá em frente uma cena que jamais vou esquecer minha mulher estava com a cara no sofá toda escabelada e grudenta de porra pelo rosto e pelo cabelo, de bunda pra cima levando pau, e gemendo baixinho com voz de cansada. Foi então que do outro lado da sala Paola falou: __Olha quem acordou. Nossa 'bela adormecida'... Voltei minha visão pra minha esposa e pude ver que era outra travesti que a comia, tentando retomar a situação, falei alto: __O que ta acontecendo aqui? Ela me respondeu: __Fala baixo corninho, senão nós vamos ter que por algo na sua boca, mas já que você quer saber, quem esta comendo sua mulher é a Rafaela e esta outra aqui é a Jane.

Quando eu vi a Jane com o pau pendurado 'meia-bomba' exclamei: __Peraí não é pra enfiar esse negócio na minha mulher. (devia ter uns 20cm) então elas se olharam e riram percebi que era tarde, já tinham colocado aquilo na minha mulher. Foi então que a Jane falou: __Querido eu já enfiei em TODOS os buraquinhos da sua mulher, mas você devia se preocupar é com a Rafa, a hora que ela botar no cu da sua mulherzinha vai rasgar tudo. Tentei olhar, mas não via, pois a bunda da minha mulher estava pro outro lado, Paola disse: __Mostra pra ele Rafa o corno quer ver o estrago. Nisso ela tirou o pau da boceta da minha mulher e eu tomei um susto, pois não era normal aquilo era um pouco maior que o da Jane e mais grosso que o da Paola, nem em filme pornô eu não tinha visto um negocio daquele tamanho.

Nisso ela vira a bunda da minha mulher pro meu lado, fiquei apavorado, pois minha mulher é branquinha e tem uma bucetinha rosada, mas o que eu vi era apenas um enorme buraco vermelho que com facilidade entraria uma mão, fiquei boquiaberto e reclamei de estarem sem camisinha, todas riram e Paola disse: __No começo foi de camisinha, mas depois virou putaria...

Nisso minha mulher me fala: __Por favor, faz elas pararem, eu não aguento mais... Tentei me soltar e falei alto de novo disse: __Solta minha mulher, ou...
__ Ou o que? Disse a Jane
__ Ou o que? Nisso ela segurou meu rosto e me deu um tapa em seguida outro do outro lado.
__ Quer bancar o macho é quero ver reclamar com a boca cheia. E começou a balançar o pau próximo do meu rosto (eu estava sentado no sofá com as mãos amarradas nas costas) tentei me desvencilhar dela, mas ela me segurou forte e disse que era melhor colaborar senão além de apanhar a Rafa ia enfiar a cobra dela no meu cu, nesta hora fiquei paralisado, ela encostou o pau na minha boca, me mandou abrir e chupar ela como a putinha da minha mulher tinha feito, logo ela fodia minha boca às vezes enfiava até minha garganta e fazia eu me engasgar, em seguida ela me deitou no sofá e me fazia hora lamber seu saco, hora ela enfiava seu pau na minha boca.

Aproveitando da minha posição Paola veio por entre minhas pernas e começou a me chupar, eu fiquei com um tezão enorme, pois sua boca era demais, ela lambia do meu pau até meu cuzinho e lá ficava enfiando a língua no meu cu, logo a Jane gozou e encheu minha cara de porra ela ainda me fez limpar seu pau com a boca quando ela saiu de cima de mim a Paola falou: __Olha só o machão, com a cara toda esporrada, parece mesmo é uma putinha...

Paola me virou de bruços colocou meu joelhos no chão deu um cuspe no meu cu e outro no pau dela e começou a forçar a entrada do meu cu, nossa como eu gritei com a cara enterrada nas almofadas, ela bombou durante um tempo e gozou urrando, senti aquele leite quente dentro do meu cu que ardia muito, Paola levantou deu um tapa na minha bunda e foi pro banheiro, nisso escuto outro berro abafado, com certa dificuldade me viro ficando sentado no chão e vejo que a Rafaela ta com metade do seu pau dentro do cu da minha esposa, ela tentou enfiar mais, mas não entrava então ela sentou no sofá e puxou minha mulher pra seu colo, antes de entrar ela passou um gel no pau e começou forçar, entrou até metade novamente e minha mulher ficou meio grogue estava quase desmaiando e muitas lagrimas escorriam pelo seu rosto coberto por porra seca, finalmente centímetro após centímetro foi sumindo no cu da minha esposa, eu nem acreditei quando vi que as bolas da Rafaela encostaram na minha mulher, ela ficou parada esperando que minha mulher se acostumasse, nisso Paola que também apreciava o show me disse:
__É corninho o prazer que nós tivemos de sentir o cu da sua mulher apertando nossos paus, tu não vai sentir nunca.
Embora eu nunca tenha comido o cu da minha mulher, pois ela nunca deixou, tentando sair por cima eu disse: __Quem disse que eu já não senti?!

Ela riu e disse: __Sua mulher, quando a Jane começou a colocar o dedo no cuzinho dela, ela disse "devagar porque eu nunca dei o cu".
Nisso a Rafa que começava a bombar lentamente disse: __Não sentiu e não vai sentir, pois depois que eu como um rabo ele jamais volta ao que era. As 3 riram e eu apenas baixei a cabeça.

Após alguns minutos bombando forte a Rafaela segurou no quadril da minha mulher, enfiou tudo bem no fundo e gemeu gozando, ela tirou o pau e largou minha mulher atirada no sofá pude ver o estrago nos 2 buraquinhos da minha esposa, do cu ainda escorria muita porra e alguns filetes de sangue, nisso já era passado das 5h da manhã de sábado e as 3 já estavam com sono, levaram minha mulher no banheiro e atiraram agua sobre ela pra anima-la, pois ela estava muito mal, quando ela voltou estava um pouco melhor, mas caminhava com muita dificuldade, antes de nos liberar a Paola me disse: __Antes de pensar em fazer qualquer coisa contra nós da uma olhada no teu e-mail.

Ajudei minha esposa a ir até o carro e quando chegamos ao carro pude ver que elas tinham mexido nas nossas coisas e provavelmente tinham pegado meu e-mail da agenda que estava no carro, durante o trajeto minha mulher não me olhou nos olhos apenas perguntou se iriamos a um hospital, pois ela não se sentia bem, falei que iriamos pra casa e que depois de descansar ela ficaria melhor, em casa minha mulher tomou um banho de mais de 30 minutos, acho que estava chorando.

Enquanto ela se banhava eu fui ver o que havia no meu e-mail, quando abri a mensagem mais recente que era da Paola fiquei assustado, pois havia mais de 20 fotos, algumas foram tiradas enquanto eu dormia e estavam com o pau na minha boca ou na minha cara algumas de minha mulher dançando e tirando a roupa sob o efeito do êxtase entre outras tantas, no final dizia: "É apenas uma amostra, pois tenho mais de 70 fotos e um vídeo de todo o período que estiveram aqui. Se vocês fizerem alguma denuncia ou tentarem nos prejudicar, vou mandar esse e-mail pra todos os contatos que eu copiei da tua agenda".

Fiquei apavorado, pois na minha agenda tinha muitos contatos profissionais e pessoais. Após minha esposa sair do banho, tomei uma ducha rápida e fui pra cama onde minha mulher já dormia profundamente deitei a seu lado e adormeci pensando no que havia acontecido...

Continua Aqui...

11 comentários:

  1. Amigo, tenho uma grande quantidade de contos em arquivo. Se interessar, me envie um email de contato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo se puder mande para mim alguns contos de Corno Viadinho - tony2469@bol.com.br

      Excluir
    2. alanclaudio28@gmail.com

      Excluir
  2. A IRMANDADE
    Obrigado pela sua amizade hoje virtual, mas quem sabe com o passar do tempo podemos torna lá real.

    Caso você resida em BSB ou cidades próximas ao Distrito Federal estamos marcando encontro para tirar duvidas colocando de maneira clara objetiva os interesses da Irmandade.
    Somos pessoas normais como você apenas temos uma visão diferente, acompanhamos a evolução da raça humana. Sim a historia da raça humana e evolutiva
    Nossa filosofia de vida não tem nada de estranho ou imoral, sexo com amizade, amizade com sexo, Sem o valor financeiro como moeda de troca.
    Não temos cornos na irmandade temos homens liberais.
    Não temos mulheres que traem, com o passar dos séculos os relacionamentos a dois mudam.
    Todos são bem vindos

    Duvidas pergunte bsbdfconfidencial@gmail.com

    ResponderExcluir
  3. Cara essa tua fantasia é a maior idiotice

    ResponderExcluir
  4. Moro em sorocaba, sou educado, cheiroso, culto, excelente nível, com corpo musculoso pele clara cabelos pretos lisos olhos castahos claros, rosto bonito, com local discreto e seguros em sorocaba mas posso viajar durante a semana

    Adoro beijos demorados longas preliminares demoradas penetrações para vc sentir prazer e gozar comigo.
    Procuro mulher fogosa ou casal liberal cujo marido sinta prazer vendo a esposa com outro macho, para encontros sigilosos e quem sabe frequentes, com sigilo, segurança e higiene, visando somente a intensos momentos de prazer sexualMoro em sorocaba, sou educado, cheiroso, culto, excelente nível, com corpo musculoso pele clara cabelos pretos lisos olhos castahos claros, rosto bonito, com local discreto e seguros em sorocaba mas posso viajar durante a semana.

    Meu e mail é claudiosorocaba@bol.com.b

    ResponderExcluir
  5. Acho que isso aconteceu realmente, mas não foi forçado vocês dois pegaram esses travestis prá foder muito gostoso. E vocês saíram com o rabo doendo e pedindo mais

    ResponderExcluir
  6. ACREDITO QUE ELA UM DIA VAI SENTIR SAUDADE E VAI QUERER REPETIR A DOSE.
    POXA FICARAM ISNTIGANDO O TRAVESTI VÁRIAS VEZES E NADA DE METER LOGO.
    A BONECA JÁ NÃO AGUENTAVA MAIS DE VONTADE DE FUDER ESSA MULHER.
    ENTÃO ELA ARRUMOU DUAS AMIGAS PAUZUDAS E FUDERAM ELA EM TODOS OS BURACOS.
    ASSIM QUE DEVERIA ACONTECER. LEVOU ROLA ATÉ DESMAIAR. E O CORNO GOSTOU; SENÃO
    ELE NÃO CONTARIA AQUI. ENCHERAM ELA DE LEITE GOSTOSO.NUNCA MAIS O CORNO VAI SATISFAZER ESSA PUTA. ELA SEMPRE VAI QUERER METER COM VÁRIOS TRAVESTIS AO MESMO TEMPO. DETALHE : ELE VAI CONTAR AQUI DE NOVO.

    ResponderExcluir
  7. cara se vc gostou disso vc e um corno e posso admitir que vc foi errado em ficar chamando o mesmo travesti e tambem foi errado em aceitar a bebida dela cara vc nao é homem eu preferia apanhar do que deixar esse traveco me estuprar e se fosse comigo eu podia ate apanhar e vê minha mulher ser estuprada mais eu nao ia deixar baixo nao a primeira coisa que eu ia fazer era comprar um 38 ir la bater na porta e falar que so queria conversar quando ela abrisse a porta eu descarregava so na cabeça e falava isso e pouco pra vc se a policia me pegasse eu mostrava o video e seria liberado nvdd kkk

    ResponderExcluir
  8. Ei mocinha vira homem cara,tu fez duas estupidez chama o mesmo traveco e beber a bebida envenenada

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...